Tag: emagrecer

🥇 Quais são as Principais Doenças Causadas pela Obesidade? 🤔

Não é preciso muito para estar acima do peso. Na verdade, a obesidade nem pode ser definida como algo que acontecesse apenas por um único fator. São diversos fatores que influenciam no nosso peso.

Entretanto, nas últimas décadas, a obesidade vem se tornando um assunto muito discutido no mundo todo. O motivo é simples: cresce diariamente o número de portadores dessa condição e dos riscos que ela trás.

Segundo dados a OMS, estima-se que uma em cada três pessoas esteja acima do peso no planeta, e que as maiores causas deste problema estão na alimentação e no estilo de vida.

Quais doenças a obesidade pode gerar?

Existe muitos estudos atuais questão apontam que pessoas obesas morrem mais do que pessoas que estão em sua faixa de peso ideal.

Isso apenas acontece por conta do excesso de gordura presente corpo humano. Essa gordura agrava problemas de saúde e gera outras doenças físicas e psicológicas que fazem muito, muito mal.

Doenças que vem com a obesidade:

  • Diabetes
  • Pressão alta
  • Doenças cardíacas
  • Colesterol alto
  • Infertilidade
  • Infecções dermatológicas
  • Dores de coluna
  • Úlceras
  • Câncer
  • Pedras na vesícula biliar
  • Trombose
  • Apneia do sono
  • Esteatose hepática:
  • Depressão
  • Asma
  • Infertilidade e gravidez de risco
  • Neoplasia

Preste atenção a essas doenças específicas

Toda doença é ruim, contudo, algumas delas são devastadoras. Seguem algumas doenças que você precisa considerar quando o assunto for comer uma coxinha ou ir para a academia.

Hipertensão

As pessoas que sofrem de obesidade tem maiores chances de terem seus vasos sanguíneos comprimidos em razão do consumo excessivo de alimentos gordurosos. Essa compressão dos vasos é o que resulta na pressão alta.

Hipertrofia Ventricular

Essa é uma doença cardíaca, gerada pelo aumento do músculo do coração. Essa doença atinge principalmente aos obesos pois o coração dessas pessoas tem que trabalhar demais. Tudo para que seja possível sustentar o peso do corpo e a estrutura corporal.

Apnéia do sono

Essa é uma doença séria pode provocar paradas respiratórias involuntárias enquanto as pessoas estão dormindo. Isso geralmente acontece em obesos, devido a essas pessoas terem excesso  de gordura no pescoço e no tronco.

Portanto isso acaba dificultando a respiração e ocasionando fechamento repentino da faringe.

Depressão

Estudos indicam que obesos possuem uma tendência maior para desenvolverem um quadro depressivo.

O motivo gira em torno da sociedade que exige cada vez mais padrões elevados de beleza, indo contra a grande maioria das pessoas que tem um corpo normal. Por fim, os obesos são atacados na sua autoestima, o que os torna inseguros em relação ao próprio corpo e atrapalham as relações sociais e pessoais.

Diabetes do tipo 2

Essa doença geralmente é causada por conta de fatores genéticos. Contudo, a doença afeta mais facilmente as pessoas que estão acima do peso.

O motivo é simples: isso acontece porque o excesso de peso causa uma resistência do organismo à insulina, que é o hormônio responsável pela regulação dos níveis de glicose.

Portanto, sem que haja uma melhora na condição da saúde, as chances de desenvolver a diabetes do tipo 2 são consideráveis.

Colesterol elevado

É uma doença que persegue os gordinhos. Ela é uma das principais causas de ataques cardíacos. Este maldito colesterol é o LDL e ele promove risco de infarto. Quando seus níveis aumentam, o risco de doenças coronarianas sobe 20%.

Portanto, quando alguém perde peso,  joga estes níveis de LDL para baixo.

Câncer

Essa é uma triste realidade. Estar acima do peso aumenta as chances de desenvolver inúmeros tipos de câncer em 50%. Mulheres obesas, por exemplo, têm risco aumentado de câncer de endométrio.

Infertilidade

Primeiramente é importante dizer que não se aplica a todos. Contudo, estar obeso pode causar mudanças nos níveis hormonais das mulheres, que podem resultar em insuficiência ovariana.

No caso das mulheres acima do peso, o risco mais elevado além de ter problemas para engravidar é a evolução para câncer de ovário.  Nosso organismo deve estar em um peso adequado para produzir a quantidade certa de hormônios e regular a ovulação e menstruação.

Entretanto, não pense que homens são imunes à infertilidade! Homens acima do peso têm chance maior de desenvolver problemas de mobilidade e baixa contagem espermática.

Dor nas costas

A obesidade é um dos fatores que mais causam dores nas costas e nas articulações. O peso em excesso causa lesões nas partes vulneráveis da coluna, que contribuem para o aumento da dor por conta do peso.

Quando essas partes precisam sustentar o peso excessivo, as chances de ter uma lesão espinhal ou dano estrutural aumentam. Estar acima do peso também aumenta o risco de desenvolver osteoporose, dor lombar, artrite e osteoartrose.

Infecções de pele

Obesos e indivíduos acima do peso podem ter dobras na pele. Essas dobras podem ficar irritadas pelo atrito e suor, o que em última análise leva a infecções de pele.

Úlceras

De acordo com estudo do National Institute of Health (NIH), a obesidade pode ser um fator contribuinte para o desenvolvimento de úlceras gástricas.

Estas ocorrem quando existe um desequilíbrio no estômago, com predomínio do conteúdo ácido secretado. O risco é maior no caso dos homens.

Pedras na vesícula biliar

Estar muito acima do peso aumenta o risco de desenvolver pedras na vesícula, especialmente nas mulheres. Elas ocorrem quando o fígado elimina uma quantidade elevada de bile, a qual é armazenada na vesícula biliar.

A bile tem a função de ajudar a dissolver as gorduras, e uma dieta rica em gorduras aumenta a sua produção. As pedras na vesícula são mais comuns em mulheres mais velhas, e com história familiar da doença.

O que fazer para vencer a obesidade?

Primeiramente, fique tranquila.

A gente entende que não é fácil emagrecer. Todo mundo odeia estar acima do peso e ninguém gostaria de ter que tentar de tudo a vida inteira para que o seu corpo não se perca.

Contudo, o modo mais simples e natural de combater a obesidade é através de práticas saudáveis que incluem a ingestão de alimentos benéficos à saúde e a realização de exercícios físicos.

E se você já tem uma rotina mais saudável e mesmo assim tem sofrido demais para perder peso, saiba que em alguns casos, você pode fazer  uso de remédios para emagrecer.

Calma! Nada de Sibutramina e coisas desse tipo. Isso pode matar. Entretanto, um remédio natural à base de ervas vem a calhar! Vamos combater esses sintomas juntas?

Para ter acesso a mais conteúdo, clique aqui.

🥇 Como Emagrecer Rápido, Sem Cirurgia e com Saúde? [SAIBA AQUI] 🤔

Olá, tudo bem?

Se você chegou até aqui com certeza você está procurando por como emagrecer rápido, estou certa? Então leia esse artigo até o final.

Como emagrecer rápido?

Como seres humanos que somos, estamos sempre incluídos em algumas estatísticas. Elas podem ser sobre a cor da nossa pele, a nossa orientação sexual, a cor dos nossos olhos, nossos problemas de saúde e até sobre a nossa conta bancária!

Tudo isso é número, é dado, é estatística. Mas tem uma em específico que vem amedrontando homens e mulheres de toda a parte do mundo: a obesidade.

E aqui no Brasil os dados assustam! De forma geral, a obesidade cresceu 60% em apenas 10 anos aqui no Brasil. E adivinha quem sofre mais com ela? Nós mulheres.

Talvez pela quantidade de coisas que lidamos todos os dias, por sempre estarmos atentas aos cuidados com a casa, com os filhos, com o marido.

Tudo isso colabora para que nós mulheres acabemos tendo uma vida corrida, agitada e que a gente não consiga cuidar da saúde como os homens fazem. Ao menos no que diz respeito a exercícios físicos e cuidados com a alimentação.

Entretanto, se fosse apenas o fato de ficarmos gordinhas, a gente poderia lidar com isso. Contudo, o problema é que os sintomas de diabetes, pressão alta, colesterol alto também vem junto.

E isso é o que mais prejudica. Você sabia que uma pessoa obesa exerce uma pressão muito maior dentro do próprio corpo a ponto de pressionar os órgãos internos? Então.

Afinal, como a obesidade afeta o corpo?

Infelizmente a obesidade interfere em vários aspectos da vida do ser humano. Ela compromete:

  • Cérebro: pessoas acima do peso têm duas vezes mais chances de sofrer um acidente vascular cerebral (AVC), devido aos altos níveis de colesterol apresentados. Também são mais propensas a desenvolverem problemas psicológicos, como ansiedade e depressão.
  • Coração: através do acúmulo de placas de gorduras no interior das artérias dificulta a circulação de sangue eleva a aterosclerose.
  • Fígado: que acaba sendo um dos órgãos mais afetados com o excesso de peso, pois não consegue metabolizar toda a gordura ingerida, ficando parte dela acumulada. Com o tempo, esse acúmulo pode ocasionar esteatose hepática, cirrose e até mesmo câncer de fígado.
  • Pâncreas: o excesso de peso faz com que o suprimento normal de insulina não supra o aumento da demanda (devido ao alto consumo de alimentos ricos em carboidratos). Com isso, a entrada da glicose nas células fica prejudicada e seus níveis aumentam.
  • Aparelho reprodutivo: nas mulheres, o excesso de peso causa redução da fertilidade. Nos homens, pode causar queda da produção de espermatozoides e impotência sexual.

Quais as formas de vencer a obesidade?

Primeiramente é importante dizer que você pode escolher qualquer forma para lidar com a obesidade. Elas são dos mais diversos tipos e de fato, você tem diversas opções no mercado atual.

Tudo depende de como esta a sua saúde, em que grau está a sua obesidade e com quais problemas você está lidando atualmente, em conjunto com a obesidade. Algumas das opções são:

Exercícios

  • Exercícios físicos em Academia – claro que isso funciona e ninguém é hipócrita de dizer ao contrário. Contudo, a rotina de academia para a maior parte das pessoas pode ser realmente cansativa. Não apenas pelos exercícios, mas por estar se sentindo gorda e ter que ficar lá, se expondo naquela camiseta suada, enquanto tem a coleguinha de leg-in e de top se mostrando para o treinador – a autoestima vai ao chão em dois segundos;
  • Exercícios físicos em casa – é uma opção, ajuda. Mas quem realmente tem disciplina de ficar na frente da TV por 30, 40 minutos suando com um cara de corpo definido rodeado por mulheres magras que não se parecem nem um pouco com você?;

Alimentação e Remédios

  • Controlar a alimentação – com certeza isso é importante. Pensar na sua saúde é pensar na sua alimentação, sem dúvidas. Mas lidar com aquelas dietas absurdas? Dieta da carne, do pão, da fruta, do miolo da goiaba? Gente, não tem como. Nós seres humanos precisamos comer um pouco de tudo para ter o que o nosso corpo precisa para viver;
  • Remédios tarjados ofertados por receita médica – de todas as opções, essa é a que eu menos te indico. Simplesmente porque remédios tarjados geralmente são feitos para combater outros males como ansiedade, depressão, labirintite e tem por efeito colateral a inibição do apetite. Se fosse apenas isso, tudo bem. Mas como efeito colateral não se escolhe, ele também tira o sono, a libido sexual, te deixa irritada, pode promover taquicardia e desenvolver outras doenças neurais – acho que não hein?

Cirurgias e intervenções médicas

  • Intervenção cirúrgica – essa é uma solução que muitos tem optado, muitas vezes até sem necessidade por conta da saúde, apenas pela estética. Mas as cirurgias bariátricas, como são chamadas, não tem um fim estético. Elas são exclusivas para aquelas pessoas que realmente precisam emagrecer muito, são obesas mórbidas e dificilmente conseguirão emagrecer da mesma forma que uma pessoa menos obesa. Elas também não são garantia de não engordar nunca mais, pois as pessoas que fazem a redução de estômago estão sujeitas a mesma ansiedade, depressão e compulsão alimentar que antes, mas agora com o estômago reduzido. Erros aqui podem ser fatais e ninguém merece, literalmente, morrer para perder peso não é mesmo?

E então? O que fazer para perder peso de fato sem ter que se expor a essas situações tão ruins e perigosas? Existe alguma solução evidente e que proporcione resultados reais?

O sucesso dos emagrecedores naturais

Não dava para acreditar que não tinha uma solução viável para nós mulheres que precisamos cuidar do corpo! Não era justo que a gente que não dispõe de tempo para isso, ou que não quer se arriscar com medicamentos tarjados, ou cirurgias ficássemos sem ajuda!

O sucessos dos emagrecedores naturais tem feito a cabeça das mulheres ao redor do mundo. E eu vou te contar tudinho neste post, acompanha comigo até o final e eu sei que você vai aderir também!

Emagrecedores Naturais funcionam?

Aliados com atividade física simples (caminhada) e pequenos reajustes na alimentação, eles funcionam sim! Isso porque a maior parte dos emagrecedores naturais são à base de ácido graxo, o que interfere diretamente no intestino e fazem com que você vá mais vezes ao banheiro.

Além disso, eles contam com uma ação antioxidante o que permite  que o seu organismo libere toda a água e gordura mantida durante todo este tempo dentro de você. Eles aumentam a quantidade de xixi e suor, e aceleram seu metabolismo para queimar gordura de forma rápida e eficiente.

Como os emagrecedores agem no organismo?

Além disso, eles contam com uma ação antioxidante o que permite  que o seu organismo libere toda a água e gordura mantida durante todo este tempo dentro de você. Eles aumentam a quantidade de xixi e suor, e aceleram seu metabolismo para queimar gordura de forma rápida e eficiente. Este tipo de suplemento ativa o metabolismo e faz você ficar cada vez mais ativa e queimando gordura em tarefas mais simples do dia a dia, como fazer um jantar ou varrer o chão.

Qual é a fórmula dos emagrecedores naturais?

Nos emagrecedores que não são naturais, eles colocam de tudo e fazem você ter feitos colaterais diversos e a perder de vista.

Mas quando falamos de um emagrecedor natural, isso indica que ele não terá contraindicação e que você poderá usar tranquila, sem medo de ter um infarto ou uma crise de nervos extrema por conta de qualquer substância que não possa ser consumida.

A maior parte dos emagrecedores naturais são compostos por cafeína e colágeno e outras substâncias da natureza que promovem a queima intensa de gordura e impedem a retenção de liquido no seu corpo.

 

 

Quais os benefícios dos emagrecedores Naturais?

Dentre os benefícios, o maior deles é que ele faz você perder peso por conta das substâncias naturais em sua composição. Contudo, os benefícios técnicos são:

  • Diminuição do apetite;
  • A prevenção do envelhecimento;
  • Por ser completamente natural;
  • Por acelerar o seu metabolismo;
  • Por fortalecer as unhas;
  • Por queimar gordura facilmente
  • Por eliminar a celulite de uma vez por todas!

Tudo isso funciona perfeitamente no seu organismo devido a presença de estimuladores enzimáticos, que, na dose certa, permitem trabalhar efetivamente na redução do apetite.

E se você é dos que comem pouco e mesmo assim está com sobrepeso, a explicação é essa:

Seu metabolismo funciona lentamente e precisa de um emagrecedor para estimular e acelerar o seu organismo e te ajudar a perder peso e a ter o corpo que sempre quis!

Afinal, emagrecedores naturais funcionam?

Definitivamente sim! E existe um em específico que tem ajudado muitas mulheres a se reencontrarem na vida! Este produto tem elevado a qualidade de vida de muitas de nós que não temos tempo para cuidar do corpo dispensando horas na academia.

Entretanto, apenas saber que existem produtos que podem te ajudar a emagrecer não ajuda. Portanto, para conhecer um produto que realmente te entende e vai te ajudar a emagrecer de verdade, clique no botão abaixo.

 

 

Para mais conteúdo, clique aqui.

You cannot copy content of this page